Anabolizantes 2 : Efeitos Colaterais


O que são esteróides anabolizantes?
Substâncias derivadas do principal hormônio sexual masculino testosterona, produzido principalmente nos testículos, responsável pelas características sexuais masculinas.

Qual a finalidade dos esteróides anabolizantes?
Na medicina, para diversas finalidades clínicas como: deficiência hormonal masculina, câncer de mama, tratamento da osteoporose, insuficiência renal aguda, desordem ginecológica, anemia aplástica, distrofias musculares (AIDS e doenças reumáticas), retardo da puberdade e insuficiência testicular, entre outras.
NÃO HÁ NENHUMA CONDIÇÃO QUE RECOMENDE A ADMINISTRAÇÃO DE ESTERÓIDES ANABOLIZANTES EM INDIVÍDUOS SADIOS.

Por que são utilizados por pessoas que desejam melhorar o desempenho atlético e a aparência física?
Tomando como base os efeitos de terapia dos esteróides anabólicos como: maior aproveitamento das proteínas, aumento do peso corporal, retenção de nitrogênio, sódio, potássio, cloreto e água, e inibição da perda de massa muscular, atletas e praticantes de algumas atividades físicas adaptam o uso da referida substância aos estímulos do treinamento, com o objetivo de aumentar a massa muscular e a performance, ignorando os perigos dos efeitos adversos que acompanham os esteróides.

Quais são os efeitos adversos dos esteróides anabolizantes?
- ENDÓCRINO/REPRODUTIVO
  • Alteração no metabolismo glicídico (resistência à insulina e intolerância à glicose)
  • Alteração do perfil tireóideo (redução de T3, T4, TSH e THG)
HOMENS



  • Menor produção hormonal
  • Ginecomastia
  • Hipertrofia prostática
  • Carcinoma prostático

  • Atrofia testicular

MULHERES


  • Irregularidades menstruais
  • Efeitos de masculinização
  • Alargamento das cordas vocais (voz grave)
  • Aparecimento de pêlos (padrão masculino)


  • Atrofia mamária
  • Hipertrofia clitoriana

- CARDIOVASCULAR/HEMATOLÓGICO
  • Aumento do colesterol total
  • Redução do colesterol HDL
  • Aumento do colesterol LDL
  • Hipertensão arterial



  • Aumento da agregação plaquetária e das proteínas de coagulação (facilitando a possibilidade de trombose)
  • Infarto miocárdico
  • Acidente cerebrovascular

- HEPÁTICO


  • Carcinoma hepatocelular
  • Lesão hepática
  • Testes de função hepática alterados
  • Hepatite

  • Peliose hepática (pequenos cistos de sangue que podem matar por hemorragia)
  • Adenoma hepatocelular



- DERMATOLÓGICO
  • Calvície
  • Acne grave



- MÚSCULO-ESQUELÉTICO

  • Risco aumentado para rompimento de tendões e ligamentos
  • Necrose avascular da cabeça femoral
  • Fechamento prematuro das epífeses de crescimento(adolescência>


- PSICOLÓGICOS
  • Comportamento agressivo
  • Flutuação repentina do humor
  • Dependência
  • Episódios maníacos e/ou depressivos
  • Tendência a cometer suicídio
  • Ansiedade
  • Paranóia

- OUTROS
  • Transmissão de HIV por compartilhar seringas
  • Possivelmente maior risco para doenças malígnas
  • Podem agravar ou induzir apnéia obstrutiva do sono

O que são e quais os efeitos da aplicação de substâncias para aumentar o volume muscular de forma localizada?
São substâncias de base oleosa como: os complexos vitamínicos de uso veterinário - Symthol (uma espécie de óleo sintético) e até mesmo óleo de cozinha. Estas são injetadas no ventre muscular objetivando o aumento muscular local, que geralmente é causado por inflamação ou edema. A utilização das referidas substâncias podem causar paralisação renal, arritmia cardíaca, edema cerebral, embolia pulmonar, necrose dos tecidos, amputação de membros e morte em poucos dias.
 

 

0 Comments:

Post a Comment